gg

 

Têm continuidade as ações do projeto Sertã Saúde Mais, que resulta de uma parceria entre o Município da Sertã, Bombeiros Voluntários da Sertã e Bombeiros Voluntários de Cernache do Bonjardim. O principal objetivo prende-se com a mobilização dos munícipes para a realização de rastreios médicos regulares, onde são registados diversos parâmetros, nomeadamente o peso, a pressão arterial, a pulsação, a glicémia e a saturação de oxigénio, não sendo necessário estar em jejum. Refira-se que este projeto teve início a 6 de novembro de 2011.

 

“Uma verdade inconveniente”

 

Sessão sensibilizou alunos da Sertã para as temáticas ambientais

 

Na Semana Europeia de Prevenção de Resíduos (21 a 29 de novembro), a Casa da Cultura da Sertã abriu as portas a 24 de novembro para uma sessão de sensibilização, dirigida aos alunos do ensino secundário do Agrupamento de Escolas da Sertã e da Escola Tecnológica e Profissional da Sertã.

 

Na sessão foi exibido o documentário “Uma verdade inconveniente” sobre a campanha de Al Gore, ex-vice Presidente dos Estados Unidos da América, que pretendia alertar os cidadãos do mundo para o aquecimento global. É analisada a questão do aquecimento global, mostrando os mitos e equívocos existentes em torno do tema e também possíveis saídas para que o planeta não passe por uma catástrofe climática nas próximas décadas.

 

Após a exibição do documentário, decorreu o debate que contou com a participação de Cláudia André, Vereadora da Educação da Câmara Municipal da Sertã, Fernando Nunes (Valnor), Samuel Infante (Quercus) e Ana Paula Geraldes (Sector de Ambiente da Câmara Municipal da Sertã.). Os alunos presentes foram sensibilizados para as atitudes que deverão tomar na deposição e separação do lixo que poderão contribuir para um futuro mais sustentável. Ficaram também a saber que o Município da Sertã está a implementar a georreferenciação no sistema de recolha de resíduos que o tornará mais eficiente, mais eficaz e económico.

 

Comemorações   “A Sertã pela Diabetes”

Casa da Cultura, 8.30 h

 

“Sertã pela Diabetes” é o evento promovido pela Câmara Municipal da Sertã que se realiza a 15 de Novembro. A concentração dos participantes realizar-se-á junto à Casa da Cultura da Sertã, na Alameda da Carvalha, Sertã, às 8h30m, onde se realizarão diversos rastreios de saúde.

Às 9h30m terá início a Caminhada Educativa Pela Diabetes. Cerca das 11h20m, após concentração na Casa da Cultura, terá início o “Mural da Diabetes”, a que se seguirá a sessão “ABC da Diabetes”. Cerca das 12h30m, em jeito de encerramento realizar-se-á a foto de grupo intitulada “A Sertã unida pela Diabetes”.

A Câmara Municipal da Sertã conta neste evento com a parceria do Centro de Saúde da Sertã, farmacêutica Abott Care, Bombeiros Voluntários da Sertã, Agrupamento 170 do Corpo Nacional de Escutas, Associação de Pais e Amigos dos Escuteiros da Sertã, Farmácia Confiança, Farmácia Farinha, Farmácia Lima da Silva e Farmácia Patrício.

As inscrições realizam-se até dia 5 de novembro, podendo ser efetuadas na Casa da Cultura da Sertã, no Centro de Saúde, na Academia Sénior da Sertã, no Agrupamento de Escolas da Sertã e nas farmácias do Concelho. Os participantes deverão vestir uma camisola azul e levar roupa adequada à atividade física.

O Dia Mundial da Diabetes foi fixado a 14 de novembro por ser o dia de aniversário de Frederick Banting, autor da descoberta da insulina (hormona responsável pela redução da glicémia). A data foi instituída pela Federação Internacional da Diabetes e pela Organização Mundial de Saúde contando, desde 1991, com o reconhecimento e apoio da Organização das Nações Unidas, por se tratar de uma doença crónica.

 

 

Na Sertã

 

IV Feira de Objetos Usados e Velharias

 

A 21 de novembro, na Alameda da Carvalha, Sertã, realiza-se a quarta edição da Feira de Objetos Usados e Velharias. Promovida pelo Município da Sertã e pela VALNOR, à semelhança das edições anteriores, esta feira tem como principal objetivo a venda de objetos usados que podem ser comercializados, oferecendo uma boa alternativa para quem procura bens a baixo valor comercial, promovendo-se, ainda, a redução e prevenção de resíduos. A edição deste ano apresenta maior variedade de objetos podendo, deste modo, comercializar-se também velharias.

 

Os interessados em participar na venda de objetos usados deverão inscrever-se até 18 de novembro, utilizando a ficha de inscrição disponível no site do Município da Sertã. Na Feira de Objetos Usados e Velharias poderão ser adquiridos diversos artigos: roupa, acessórios, material escolar, brinquedos, decoração, desporto, velharias e artesanato, entre outros. Mais informações em www.cm-serta.pt .

 

 

Na Sertã

 

IV Feira de Objetos Usados e Velharias

 

A 21 de novembro, na Alameda da Carvalha, Sertã, realiza-se a quarta edição da Feira de Objetos Usados e Velharias. Promovida pelo Município da Sertã e pela VALNOR, à semelhança das edições anteriores, esta feira tem como principal objetivo a venda de objetos usados que podem ser comercializados, oferecendo uma boa alternativa para quem procura bens a baixo valor comercial, promovendo-se, ainda, a redução e prevenção de resíduos. A edição deste ano apresenta maior variedade de objetos podendo, deste modo, comercializar-se também velharias.

 

Os interessados em participar na venda de objetos usados deverão inscrever-se até 18 de novembro, utilizando a ficha de inscrição disponível no site do Município da Sertã. Na Feira de Objetos Usados e Velharias poderão ser adquiridos diversos artigos: roupa, acessórios, material escolar, brinquedos, decoração, desporto, velharias e artesanato, entre outros. Mais informações em www.cm-serta.pt .

 

 

 

Na Biblioteca Municipal

 

“Descobrindo a Arte”

 

Até 30 de novembro, a Biblioteca Municipal Padre Manuel Antunes, na Sertã, acolhe a exposição de pintura “Descobrindo a Arte” de Catarina Martins.

 

A tendência para a arte já se fazia notar na infância de Catarina Martins. No entanto, este gosto intensificou-se ao frequentar as aulas de pintura no Ateliê Túllio Victorino, em Cernache do Bonjardim, com a professora Inês Xavier. Agora, aos 17 anos, decide expor os seus trabalhos para que todos possam descobrir e apreciar a sua arte.

 

Estão expostos diversos trabalhos elaborados recorrendo a diferentes técnicas e materiais: lápis de carvão e de cor sobre papel, óleo sobre tela, acrílico sobre tela, pastel seco sobre papel e técnica mista. Os temas das suas obras incidem em retratos, natureza viva, abstratos e paisagens.

 

A exposição “Descobrindo a Arte” poderá ser apreciada na Biblioteca Municipal Padre Manuel Antunes, na Sertã, até ao final do mês de novembro, às segundas e sábados das 10h30m às 18 horas e de terça a sexta-feira das 10 horas às 18h30m. A entrada é livre.

 

 

                                                                                                   Na Casa da Cultura

 

“Mourasencantadas”

 

Até 30 de novembro, a Casa da Cultura da Sertã tem “Mourasencantadas” em exposição. Da autoria de Sofia Pinto Correia, estarão expostas bonecas ilustrativas de mouras encantadas, totalmente confecionadas e pintadas por si. Poderão ser apreciadas, entre outras, a Moura Serpente, a Moura Velha e a Moura Princesa.

 

Sobre a exposição a autora refere que se baseou nas antigas lendas portuguesas, povoadas de seres fantásticos, que contam histórias de mouras encantadas que se escondiam em grutas, penedos e fragas, ruínas e castelos, nos bosques profundos, nas nascentes ou nas pontes.

 

Sofia Pinto Correia nasceu em Lisboa, em 1968. Atualmente vive e trabalha, em sua casa, perto de Cascais. É licenciada em Marketing pelo Instituto de Arte, Design e Empresa, de Lisboa, e ainda em Design de Moda. Na área da pintura, tem formação pela SNBA - Sociedade Nacional de Belas Artes. De 1992 até à data realizou diversas exposições coletivas e individuais.

 

A exposição “Mourasencantadas” poderá ser apreciada na Casa da Cultura da Sertã até ao final do mês de novembro, de segunda a sexta-feira das 9h às 17h30m e aos sábados, domingos e feriados das 10h às 17h30m. A entrada é livre.

 

 

 

 

 

 

fotografias devem ser vistas em: (anote)
https://www.facebook.com/pages/Concelho-da-Sert%C3%A3/234241650102303?ref_type=bookmark
Quando vir uma notícia neste site, consulte sempre a página no facebook

 

 

“Produtos da Terra” na Sertã

 

A Alameda da Carvalha, na Sertã vai ser uma verdadeira montra de “Produtos da Terra” no próximo domingo, 17 de agosto. Entre as 9h e as 18h poderão ser adquiridos produtos hortícolas, transformados e artesanais.

 

Como habitualmente, haverá animação musical, desta feita com Rui Miguel (teclista e vocalista) e Nuno Pereira (organista). Neste dia, os estabelecimentos comerciais terão também o horário de funcionamento alargado, entre as 9h e as 18h.

 

A iniciativa “Produtos da Terra” assenta numa lógica de proximidade entre o cidadão e os produtores regionais. Quem procura produtos de qualidade poderá assim fazê-lo num local próximo e sem recorrer às grandes superfícies. Decorre todos os terceiros domingos de cada mês, excetuando-se o domingo de Páscoa e os meses de julho e dezembro. Até ao final deste ano, esta iniciativa realizar-se-á na Alameda da carvalha, Sertã. As inscrições (de produtores) efetuam-se na Casa da Cultura da Sertã imediatamente após a realização de cada mercado, até ao dia 3 do mês seguinte

 

 

 

Crianças da Sertã integraram Colónia de Férias

 

 

O Município da Sertã proporcionou dez dias diferentes a um conjunto de 20 crianças do concelho provenientes de agregados familiares com dificuldades socioeconómicas.

 

As crianças, com idades compreendidas entre os seis e os 12 anos, tiveram a oportunidade de integrar o segundo turno da Colónia de Férias Residencial dinamizada pela Fundação “O Século”, que teve lugar em São Pedro do Estoril entre os dias 8 e 18 de julho.

 

Naquele período, as crianças participaram num conjunto diversificado de atividades, que incluíram variadas dinâmicas de grupo, batismos de surf, jogos infantis, ateliês de expressão plástica e de pinturas faciais, visitas à Piscina Oceânica de Oeiras e ao Parque Marechal Carmona, para além das habituais idas à praia.

 

A iniciativa, que resultou de uma parceria com a Comissão de Proteção de Crianças e Jovens da Sertã, teve como principal objetivo proporcionar àquelas crianças um convívio benéfico, renovadas experiências e conhecimentos e o desenvolvimento de competências pessoais, sociais e afetivas

 

Bolsas de estudo

 

Terminam a 31 de agosto as inscrições para bolsas de estudo a atribuir pela Câmara Municipal da Sertã. Dirigem-se a estudantes com comprovadas carências económicas e com mérito escolar, que frequentem ou venham a frequentar os estabelecimentos de ensino superior públicos, que confiram o grau académico de licenciatura/mestrado.

O valor total da bolsa a atribuir será de 3.000,00€, distribuídos por três anos, mediante apresentação de comprovativos de despesas de educação. A candidatura poderá ser apresentada por qualquer aluno, até ao final deste mês, no Setor de Ação Social da Câmara Municipal da Sertã.

Para mais informações, os interessados deverão consultar as Normas de Atribuição de Bolsas de Estudo, disponíveis em www.cm-serta.pt .

Ciente da importância do papel que a educação desempenha no desenvolvimento da comunidade, a Câmara Municipal pretende, assim, promover o sucesso escolar e garantir o prosseguimento de estudos dos seus munícipes, independentemente das suas condições financeiras, através de atribuição de apoios que preencham não apenas requisitos de natureza socioeconómica, mas também critérios de mérito escolar

 

Exposição

 

“Olhar sobre o Choupal”

 

Até 31 de agosto a Casa da Cultura da Sertã acolhe a exposição de pintura “Olhar sobre o Choupal”. Da autoria de Óscar Almeida, os quadros expostos foram elaborados a acrílico sobre tela, sendo alusivos à Mata Nacional do Choupal, em Coimbra.

 

A natureza serviu de inspiração ao autor, pela variação que apresenta ao longo dos dias, dos meses e dos anos tornando-se uma fonte inspiradora dos sentidos. Assim como o mesmo objeto olhado por diferentes observadores e diferentes momentos cria múltiplas interpretações e emoções. Essas dicotomias levaram o autor a abordar este tema, onde o ambiente florestal com os seus cheiros, sons, matéria, luminosidade e cor cativaram a sua imaginação.

 

Nascido em Luanda em 1951, Óscar Almeida radicou-se em Coimbra em 1976. Licenciado em Engenharia Civil pela Faculdade de Engenharia Universidade do Porto, frequentou os cursos de Pintura Decorativa e Secção Preparatória às Belas Artes, na Escola de Artes Decorativas António Arroio em Lisboa, e o Curso Prático de Pintura Grau II, da Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto.

 

Expõe regularmente em Portugal, Espanha e Angola, participando em exposições coletivas e individuais. As suas obras encontram-se em várias coleções oficiais e particulares. Foi distinguido com Menção Honrosa na modalidade de Pintura no Concurso de Artes Plásticas promovido pelo Movimento Artístico de Coimbra, em 2008, e na 1.ª Feira Industrial de Luanda, em 1966, obteve uma Menção Honrosa em Escultura.

 

A exposição está patente na Casa da Cultura da Sertã até 31 de agosto, podendo ser visitada de segunda a sexta-feira das 9H às 18H e aos sábados, domingos e feriados das 10H às 13H e das 14H às 18H.

Etiquetas

A lista de etiquetas está vazia.

Notícias

Sertã Saúde Mais

09-06-2014 11:43
À semelhança dos meses anteriores, tem continuidade o projeto Sertã Saúde Mais, que resulta de uma...

Festival de Gastronomia do Maranho foi um sucesso

09-06-2014 11:42
  Edição deste ano recebeu mais de dez mil visitantes e contou com 93 expositores. 14...